Tag Archives: Renata Fraga terapeuta capilar

como-lavar-os-cabelos-renata-fraga-terapeuta-capilar-bh

 

Um assunto que sempre causa dúvida e é super importante para a saúde das madeixas: Posso ou não posso lavar os cabelos todos os dias? A primeira coisa que temos ter em mente quando pensamos em lavar os cabelos é a diferença entre lavar o couro cabeludo x lavar os fios: Sou a favor de que se lave o COURO CABELUDO todos os dias! Você pode higienizar o couro cabeludo como produto adequado sem lavar os fios. Claro, eles irão molhar, mas é só água, sem shampoo.

A limpeza diária do couro cabeludo é de extrema importância. Imagine a quantidade de resíduos que ficam ali no dia a dia?! E por que os fios podem ficar detonados se eu lavar todo dia, Rê? Os shampoos contém produtos químicos que podem danificar os fios se usado em excesso. Mas isso acontece quando você não está usando o produto adequado para seus fios. É essencial que você use o shampoo certo para seu tipo de cabelo!

O sebo do cabelo é importante? É importante! O couro cabeludo produz a oleosidade para proteger nosso couro cabeludo e para hidratar os nossos fios. Nada no nosso organismo é produzido incorretamente (Papai do Céu nos criou muito bem! ;)). Porém, o acúmulo de sebo causa excesso de oleosidade, queda de cabelo, dificuldade de nascimento de novos fios. Limpamos o couro cabeludo para manter o equilíbrio desse sebo e não para eliminá-lo!

Se você lava seu cabelo “um dia sim e outro não” está super ok! Mas fazer a higienização do couro cabeludo diariamente é necessário.

Nos próximos posts, darei dicas de como fazer a higienização do couro cabeludo, ok?!


renata-fraga-foto-osvaldo-castro
Vocês acompanharam toda minha saga para ficar loira através do Instagram (@revalentina) e Snapchat (revalentina1)! Agora pode conferir como foi o dia de ficar loira no nosso canal no youtube, assista!

Visite o canal do Salão Valentina para mais vídeos e dicas: youtube.com/salaovalentina


cronograma-capilar-renata-fraga-terapeuta-capilar

Leia a matéria completa no site do Jornal Tudo BH!


Como contei para vocês, estou usando na Terapia Capilar dos meus clientes e fazendo testes no meu cabelo com @etherealplasma. ETHEREAL PLASMA é a sinergia 100% natural proveniente de plantas medicinais aromáticas com grande afinidade aos processos biológicos do corpo. No reino vegetal, faz parte do sistema de proteção e desenvolvimento das plantas. No corpo, protege e provê saúde à pele, couro cabeludo e cabelos.

A linha WNF ETHEREAL PLASMA HAIR THERAPY da ETHEREAL PLASMA vem para agregar ainda mais resultados à Terapia Capilar que desenvolvo e aprimoro a cada dia para meus clientes.

A proposta é uma mudança radical na saúde do bulbo e fios ao final do ciclo de 6 âmpolas do produto.

Vou mostrar antes e depois das madeixas dos meus amados clientes por aqui! Mas é como digo SEMPRE para vocês, a Terapia Capilar é um tratamento… nada acontece do dia da noite, então é necessário FOCO e tempo para que a gente consiga resultado. Vamo que vamo!

antes-e-depois-ethereal-renata-fraga-bh-03

antes-e-depois-ethereal-renata-fraga-bh-02

antes-e-depois-ethereal-renata-fraga-bh-01


antes-e-depois-terapia-capilar-renata-fraga

A linda Sofia, de 12 anos, chegou no #SalãoValentina com sua mãe, querendo fazer química no cabelo para reduzir o volume e ficar com cachos mais mais abertos. Meninas, não recomendo química para crianças/pré-adolescentes! O tratamento que estou desenvolvendo no cabelo da Sofia é um intensivo de banhos de óleos essenciais feitos pensando especialmente no cabelinho dela. E para conseguirmos um resultado mais rápido, a mãe da Sofia está fazendo umectação com óleo de coco todos os dias nas madeixas dela!

Na foto, o antes e depois no intervalo de uma semana, ou seja, dois banhos de óleos feitos por mim e uma semana da mamãe em ação em casa. Não é INCRÍVEL a mudança? Sofia está super feliz com seus cachos e já contou que recebeu elogios de amiguinhas escola! Como não amar meu trabalho?! IMPORTANTE: “Mas Rê, por que não fazer química no cabelos das crianças?” A região do couro cabeludo das crianças é muito vascularizada (muito mais que nos adultos!) e absorve os produtos em quantidade que pode gerar algum tipo de alergia até intoxicação. O ideal é esperar até o final da adolescência.