Salão Valentina

Vá para a home

O título do post já diz muito sobre minha opinião acerca de mudança de visual. Gosto de mudar, variar, principalmente a cor e estilo de corte dos meus cabelinhos. A única coisa a qual sou mucho apegada ainda é o comprimento. Difícil largar dele, depois que encontrei respaldo no blog vizinho Futitish da Cony, vai demorar mais um cadito para eu cortar meu cabelo mais curtinho. Mas um dia corto, um dia!

Minha última mudança eu já havia postado AQUI . Passei de uma fase loirinha (que começou nas californianas e terminou em reflexos) e resolvi voltar ao meu tom natural, que é um castanho bem escuro. E tipo, clareio o cabelo desde os 15 anos e já cheguei ficar loira, loooiiira mesmo. Mas fiquem tranquilas que vou privá-las de tamanha aberração. Ainda bem que tudo na vida passa, ate a uva passa.

Quando fiz o post sobre descolaração o meu coração voltou a bater mais forte pelo descolorante novamente (isso é vício minha gente!), daí dentre as opções do momento me apeguei com forças as ombré light (ou highlights). Num demorou muito e lá vai eu para meu cabelereiro carioca do coração (que será da equipe Valentina carioca com toda certeza. Sonho é meta!). Sentei e falei: quero ficar igual a Jéssica Biel (ahãn, senta lá Claudia!) e pode repiiiiiicccarrrrr. Sempre repico, mas dessa vez eu falei para repicar mesmo. Amei o resultado!

Primeiro uma foto da nossa família há 1 mês atrás, que dá para perceber bem a cor do meu cabelo escuro.

E agora minha nova versão:

O repiiiicado estou assim amando,  fiz uma sessão de fotos com minha fotográfa carioca predileta Luisa Oliveira e o repicado deu um super efeito (em breve vocês verão as fotos). As ombré super iluminaram meu cabelo para o verão, e  o contraste com o fundo castanho escuro ficou bem bacana. A questão do fundo escuro não dá para perceber muito nessas fotos (são de celular, às 8 da matina), mas ficou legal mesmo.

Beijos procês!

Mi


Certa vez escutei uma frase que achei fantástica: mulheres não ficam mais velhas, ficam loiras. haha Achei genial! Eu, por exemplo, tenho cabelo castanho escuuuuro, mas uso descolorante desde os 15 anos (gente, eu não sou louca! quando criança eu era lorinha. Vocês podem comprovar essa fato AQUI). Ao longos desses 16 anos já fiz algumas loucuras capilares, mas quando cansava voltava sempre ao bom e velho castanho escuro. No entanto, minha original morenice nunca durou mais de 6 meses, o visual moreno em mim pesa, me sinto bem mais velha, daí sempre volto às minhas raízes loiras (haha).

Escrevi tudo isso para contar uma novidade da Schwarzkopf para vocês: a Linha Blond Me. Criada com o objetivo de conseguir o tom de loiro ideal para cada pessoa (oi, análise de cor!), a linha quando usada por profissional capacitado consegue atingir um tom de loiro personalizado.

Mas como podemos conseguir esse loiro tão especial e personalizado? Graças ao sistema Clareador & Tonalizante multi-louros com mais de 40 opções de tons loiros e ao Descolorante de Performance Premium que oferece até 8 níveis de clareamento e neutralização avançada com agentes anti-amarelos.
A BLOND ME foi desenvolvida para revolucionar os “cabelos com pretensão loira” (se é que vocês me entendem? rs) e a linha é completa: coloração, tratamento e finalização. Quer dizer, aquela velha história repetidas 500 mil vezes por aqui, cabelo bom é cabelo cuidado, quiça cabelo colorido. Cabelo colorido com mechas só é bonito quando bem tratado, isso começa na hora de escolher o salão certo para colorir e termina em casa com os produtos ideais e os cuidados diários. Não existe milagre! Existe tecnologia de ponta associada à disciplina da dona das melenas!

Agora deixo com vocês alguns cabelos loiros, e todas as suas variações (ombé, californianas, mechas esfumadas, mechas marcadas e por aí vai), que a equipe Salão Valentina ama e sabe fazer muito bem!

(quero esse cabelo como referência para mudar o meu, será que rola Dani Amado?)